0

[BEDA 11] Filme: A mentira (Easy A) - 2010

13.8.15

안녕하세요! Finalmente tomei vergonha na cara de falar sobre filme esse aqui no blog... Eu sei que tou atrasada com o BEDA, mas não tem aula essa semana e ficar em casa é sinônimo de trabalho em dobro, aí não sobra tempo de dar uma revisada nos posts pra liberá-los. Espero ajeitar essa situação até o fim de semana '-'


Neste encantado e aclamado conto de rumores e reputação, Olive, uma estudante normal do colegial, vê sua existência abaixo-do-radar virar do dia para a noite desde que ela decidiu usar a fofoca na escola para promover sua posição social. Agora seus colegas de classe estão se virando contra ela e a conselheira da escola está ficando preocupada. Com o apoio de seus pais hilariamente idiossincráticos e com a ajuda de uma antiga paixão, Olive se esforça para pegar sua nova identidade notória e acabar com o boato de uma vez por todas.

Sabe aquela pessoa que só aceita a própria verdade? Aquela que quando você diz uma coisa, ela insiste que é outra e você acaba concordando? Pois bem, é assim que a história do filme começa. Olive Penderghast inventa uma pequena mentira pra não acampar no fim de semana com sua melhor amiga Rhi. E a Rhi é como aquela pessoa que eu citei no começo do parágrafo.

Pois bem, ao mentir pra Rhi, Olive não imaginava que Marryane Bryant pudesse ouvir a conversa e espelhar pra escola toda. O negócio é que essa Maryanne é aquela filha de pastor (nada contra, por favor u.u) que acha que tudo é pecado, então ela espalha pra escola toda a mentira da Olive. Não é só isso, porque é aí que começa a verdadeira ação. A Olive usa a mentira pra ajudar um amigo. O problema é que ela não consegue parar de ajudar os outros, então ela se fica com a imagem manchada. Ela até ajuda uma professora, então imaginem a bola de neve que se forma ao longo do filme. Condenada ao inferno, Olive passa a ser chamada de vadia e após uma briga com Rhi, ela passa a usar um “A” vermelho nas roupas, em apologia ao livro/filme “A letra escarlate”.

Quando Olive percebe que a mentira chegou à grandes proporções, ela vai em busca das pessoas a quem ajudou e pede pra que essas pessoas contem a verdade, mas ou ela não pode entrar em contato ou é rejeitada. E é aí que a Olive pensa no gran finale: ela chama toda a escola pra um encontro via webcam, e ali ela conta tudo o que aconteceu, desde o fim de semana que rejeitou passar com a Rhi até o momento. Na verdade, o filme é sobre a Olive contando a história.

Esqueci uma coisinha: a Olive troca ajuda por presentes, dinheiro... Então imaginem o rolo que não fica... Tentei resumir num parágrafo só, mas sou péssima em reduzir textos, então ficou grande mesmo. Vou falar agora sobre o que eu acho, prometo que não vai ser muito!

O filme é bem engraçado, e a música que a Olive canta impregna de uma forma que vocês não têm ideia! Eu vi esse filme pela primeira vez no mês passado, estava de férias e achei normal eu cantarolar por conta da minha “desocupação” em casa. Mas quando as aulas na faculdade voltaram, eu me vi adicionando a faixa nas minhas músicas no Spotify pra poder ouvir quando estivesse fora de casa. E funcionou, porque sempre que eu abro o Spotify, eu ouço a música ¬¬’

Eu enrolei uns bons meses pra assistir porque achei que não valia a pena. Mas de 5,0 eu dou 4,5. Não dou 5,0 porque é meio previsível. Apesar de satisfeita, eu já esperava pelo final. Sabia que não seria exatamente do jeito que eu imaginei, mas deu pra ter uma noção de como tudo acabaria, senão teria que ter um segundo filme e a coisa não funcionaria.

Eu já conhecia e gostava de parte do elenco, então sou suspeita pra falar da atuação. Mas quero deixar aqui que esse filme me deu uma paixonite aguda pela Emma Stone e pela voz dela. Eu também achei a história bem legal. Do mês passado pra cá, eu já vi o filme umas 10 vezes, sério! Foi tipo, eu vi o filme num dia, no outro eu fui obrigada a ver o filme DUAS VEZES porque não me aguentei. Não é à toa que se tornou um dos meus filmes favoritos de comédia adolescente, desses que mesmo idiota u ainda dou umas boas gargalhadas, me divirto à beça e sempre quero reprise na tv. O sentimento em relação a esse filme é o mesmo que eu tenho com “Meninas malvadas”, então nem preciso falar que gostei demais e que recomendo, né?!

♪♫ I got a pocket, got a pocketful of sunshine. I got a love, and I know that it's all mine, oh uoooh
Do what you want, but you're never gonna break me. Sticks and stones are never gonna shake me, oh uooooh
Take me awaaaaaaay, a secret plaaaaaaaaace, a sweet escaaaaaaaaaaaaape, a hiding plaaaaaaaaace ♪♫

Não, não é o trailer. Mas você vê-lo aqui, já aviso que está em inglês e sem legenda. E a música é da Natasha Bedingfield, o clip oficial tá aqui.

Peguei daqui: Sinopse | Pôster
Blogger
Facebook

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Voltar ao topo
voltar ao topo