0

Creepypasta: Uma maçã por dia

24.7.15

Você já ouviu a expressão “uma maçã por dia te mantêm longe dos médicos”? A maioria presume, sem razão para pensar o contrário, que é apenas uma frase simples que realça a importância da comida saudável para crianças. Mas o ditado não se originou de um lembrete inofensivo. Ele nasceu numa pequena cidade durante a falta do ouro, quando a comida era escassa e o dinheiro ainda mais.

Num agosto, quando uma terrível seca chegou à região, uma série de assassinatos cruéis varreu a cidade. Toda noite, uma única casa era invadida, e todos que vissem o invasor eram rápida e brutalmente assassinados. Nada era roubado, salvo alguns restos de comida.

Depois de duas semanas disso, o vendedor da mercearia local deixou algumas maçãs e um copo de leite na praça da cidade durante a noite. Ele então se escondeu na torre da igreja, esperando obter algum vislumbre de qualquer um que aparecesse.
Lutando contra o cansaço, o vendedor esperou por algum sinal de vida. Logo após a meia-noite, ele foi recompensado com uma visão suspeita; um homem carregando um saco preto devidamente cheio de instrumentos metálicos e coberto da cabeça aos pés com ataduras, visivelmente cambaleando. Ele parou ao ver as maçãs e o leite, então olhou ao redor, como se olhasse para aquele que ousou favorecê-lo. Cheio de medo, o vendedor saiu de vista, ficando escondido até o nascer do sol.

O homem estranho pegou apenas uma das maçãs, e nem tocou no copo de leite. Nenhuma casa foi invadida, e ninguém foi morto. Por décadas, a cidade continuou a deixar uma ou duas maçãs por noite, mesmo muito tempo depois das maçãs parararem de desaparecer.

Blogger
Facebook

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Voltar ao topo
voltar ao topo